O mundo é todo desigual e vocês de braços cruzados no Whats

19884014_1098723813560561_8411233676306393281_n (1)
Pequena descrição do colunista: Kleysykennyson Carneiro, escritor, poeta, jornalista, entusiasta da esquerda, pai da Maria e do Raul. Já quis ser astronauta, entregador de gás e cigano, que nem todo mundo.

São batalhas intensas! Espadas em riste, destilação de venenos, exércitos em torno de uma causa, socos, pontapés, reclamações, mobilizações, revoluções, bandeiras, propagandas, café com o povo, almoço com lideranças, jantar com empresários, lutas, lutas e mais lutas… E tudo isso acontece onde? Sim, no Whatsapp. Impossível não ligar o display do celular e não haver pelo menos 200 novas mensagens nos campos imprecisos do aplicativo. Há farpas, guerras entre o bem e o mal sendo travadas por protagonistas e antagonistas nos revoltosos e quentes grupos do Whats.

A turma perdeu a mão, só pode. Mobilizadores e transformadores sociais se encontram por trás de teclados de smartphones. Ninguém nunca mais saiu de casa para fazer a revolução que tanto planeja. O sonho é delirante demais, louco demais, ousado demais. As pessoas, dos seus sofás e camas reclamam, brigam, mas a falta de coragem para tomar uma espada e partir para a guerra é evidente.

O mundo é todo desigual e vocês perdendo tempo com as discussões sem fim no Whats. Tem nego passando fome pra valer enquanto vocês brincam de revolução. A turma perdeu a mão… Lembrei de um tempo em que a gente quebrava o pau pra mudar as regras do jogo. Hoje, as mentes sábias reclamam dos milhões, mas nem usaram a tribuna na audiência da LDO. Os caras são inteligentes demais! Poderiam e deveriam ter orientado cada governante sobre a grana. Mas ninguém estava lá!

Falam, falam e não estavam lá quando deveriam estar.

Por que?

Reclamar de casa é tão mais cômodo, né? Bom, não vou tirar a razão de ninguém. O caso é que vocês não são levados a sério por ninguém. Enquanto vocês falam, falam e falam por esses campos imprecisos, tem nego levando a grana pra casa e nego passando fome por aí.

O mundo é desigual e vocês não fazem nada para mudar isso. Quem leva um revoltado online a sério? A bizarrice e a burrice de vocês chega a ser comovente, mas também é engraçado.

Vocês são líderes fakes. Pensadores de ninguém. Formadores de opinião de outros revoltados online, não fazem mal a ninguém.

Mais vale uma Maria Alice, com os seus Encantos de Leitura, do que 1 milhão de revoltados online como vocês. O mundo se muda no agora e vocês chorando o passado e arquitetando um futuro que não sai do visor dos celulares.

Tem gente ficando rico e vocês aí se revoltando pelo Whats.

Tem gente passando fome e vocês, fingindo que se importam com a dor, se revoltando pelo Whats.

Na boa, custa fazer algo? O mundo é desigual demais e vocês aí, com toda a estupidez do mundo, achando que estão abafando.

É tanto fake que o estômago embrulha. Quanto é a ponta que vocês estão esperando pra calar a boca? Qual cargo vocês querem pra parar de torrar o saco de todo mundo? Todo mundo sabe bem qual é a de vocês… O mundo é desigual e vocês aí, sendo ridículos. Bora dar um tempo?

Comentários

Comentário