Plenária de Assistência Social acontece em Curionópolis

6e0a6cf8-2114-404c-a01a-9c6a72894e81Com o objetivo de debater políticas públicas de assistência social a Prefeitura Municipal de Curionópolis através da Secretaria Municipal de Assistência Social realizou nesta segunda-feira, 31, uma plenária para a captação de propostas.

O ato ocorreu na Escola Municipal José Rodrigues e contou com a participação de entidades diversas, usuários, servidores do CRAS e do Conselho Municipal de Assistência Social, representado por sua presidente Natânia Noêmia.

O objetivo da plenária, de acordo com Noêmia, é avaliar as condições da assistência social no Município e colher propostas para que, ao serem transformadas em documento, seja apresentado nas Conferências Estadual e Nacional de Assistência Estadual, respectivamente, ainda este ano.

Quem também esteve presente na plenária e representou o governo municipal foi Yoranskell Rocha Santos; ele detalha que em Curionópolis existem dois CRAS que oferecem assistência social básica divididos por território. “A demanda é muito grande, visto que Curionópolis é um município carente de empregos e oportunidades”, conta Rocha, mensurando que há no município pelo menos 3 mil usuários no cadastro único vivendo em situação de pobreza e extrema pobreza.

47fed7f3-6a0a-4147-8185-dd1097e850f5Ainda segundo Yoranskell Rocha, pelo menos metade da população de Curionópolis sobrevive com 1/4 de um salário mínimo por família. “Os recursos para a assistência nunca são suficientes, principalmente no cenário político que vivemos com tamanhas restrições de garantias dos direitos já previstos em leis devido o congelamento dos gastos públicos nos próximos 20 anos”, preocupa-se Yoranskell Rocha.

Na plenária foram escolhidos delegados que representarão o Município na conferencia estadual, devendo ser composto por 50% de usuários, 25% de trabalhadores em assistência e 25% de representantes da gestão municipal.

(Texto: Francesco Costa. Com fotos de Anderson Souza)

Comentários

Comentário